Game Changers 2023: Team Liquid perde para a G2 em sua estreia

Game Changers 2023: Team Liquid perde para a G2 em sua estreia

A Team Liquid teve uma estreia desafiadora no Valorant Game Changers Championship, o torneio mundial inclusivo de Valorant, sediado no estúdio da Riot Games em São Paulo, ao sofrer uma derrota por 2 a 0 para a equipe europeia G2 Gozen. Com esse resultado, a equipe brasileira agora se encontra na chave inferior, enfrentando a possibilidade de eliminação em caso de outro revés.

Como campeã das duas edições do Game Changers Brasil em 2023, a Liquid enfrentou a atual detentora do título mundial neste confronto realizado na última terça-feira. A G2 conta com três jogadoras vitoriosas em 2022: Petra "Petra" da Holanda, Michaela "mimi" da Dinamarca e Anastasiya "Glance" da Rússia.

No primeiro mapa, Sunset, escolhido pela G2, a Team Liquid começou vencendo por 7-5 no ataque durante a primeira metade do jogo. Contudo, após a virada, as jogadoras europeias melhoraram seu desempenho e abriram 12-8, ficando a apenas um ponto da vitória. A Liquid conseguiu se recuperar salvando quatro match points, forçando a decisão para o tempo extra. No entanto, na prorrogação, a G2 se destacou e fechou o placar em 14-12.

Na Lotus, o mapa escolhido pela Liquid para a série, a equipe brasileira começou bem, abrindo 2-0 na defesa. No entanto, após rounds alternados, o primeiro tempo terminou em empate, com ambas as equipes somando seis vitórias. Na segunda metade, a G2 demonstrou um desempenho defensivo superior, concedendo poucas oportunidades para as brasileiras, que conseguiram vencer apenas um round antes de perderem por 7-13.

Na chave inferior, a Team Liquid enfrentará a Evil Geniuses (EG) na quinta-feira, 30 de novembro, às 14 horas (horário de Brasília). A EG, que perdeu para a Team SMG do Pacífico, será a próxima adversária da Liquid em busca da recuperação no torneio.


Redação Stattrak

Redação Stattrak

Equipe de redação da stattrak